Uma dica para os futuros imigrantes (ou não imigrantes também)

1 07 2009

Quando vc tem que desmontar uma casa inteira para recomeçar uma vida é que vc percebe o quanto tem de coisa inútil dentro de casa, seja em forma de papéis, utensílios, roupas, bibelôs, livros, cadernos da faculdade ou o que for. É impressionante a quantidade de lixo escondido que temos dentro do armário…

Pare para pensar em tudo que vc tem dentro de casa. Abra armário por armário e tente se lembrar quando foi que usou cada objeto. Se vc consegue utilizar tudo o que tem, parabéns! Caso contrário, agende faxinas periódicas na sua casa o mais cedo possível. Se vc for imigrar, vai perceber que essa é uma dica muito útil, mas se vc não for imigrante, vale pensar também na caridade que vc pode fazer com aquilo que está parado dentro de casa.

Não subestime a vendinha de objetos, rende um dinheiro muito bom e qualquer dinheiro é válido num processo de imigração.

Quando eu for montar minha casa nova, tentarei fazer diferente e apenas comprar aquilo que eu realmente irei usar. Não sei se vou conseguir, mas tentarei rs rs rs.

Estou escrevendo este post porque estou impressionada com a quantidade de lixo que já tirei de dentro de casa e também já doei. Havia coisas que eu sequer me lembrava que tinha. E ainda faltam coisas pra tirar de casa. Se eu soubesse que dava tanto trabalho assim, teria começado a faxina um ano antes!!

Fica a dica 😉

Anúncios

Ações

Information

6 responses

1 07 2009
Aline

Realmente… Assim que começamos a pensar no processo, resolvi dar uma olhada nas minhas tralhas. Ainda nem enviamos o dossier, mas a nossa postura já mudou bastante em relação às tranqueiras acumuladas durante os anos. O lado bom é que moramos em uma kitinette, não há muito espaço para guardar lixo, mas ainda sim, nos desfizemos de sacos e mais sacos de roupa (se não usamos, há quem necessite), fizemos uma limpa nos nossos cd’s, o próximo conjunto a ser “atacado’ será o dos livros. Bom, quanto a esses fica um pouco mais difícil, tenho um carinho especial pelos bichinhos.. Mas sempre se encontra algum que não é bom ou jamais será relido. E os papéis de faculdade… Meu Deus, que bagunça! Estou até com medo deles.. hehehehe.. Mas é tão bom se desfazer dessas coisas que não utilizamos e só ocupam espaço entulhando nossas vidas! Me sinto muito mais leve cada vez que sai uma leva de coisas pra doação. E nossas compras reduziram drasticamente, não pretendo comprar coisas agora que serão descartadas em dois anos, na ocasião que pretendemos deixar o país. É de dar medo o quanto de coisa que compramos sem necessidade!
Bom, boa sorte com a mega faxina!!!!
Beijos

1 07 2009
petula

boa dica! na verdade, estou começando a vender e doar coisas agora também. quase não tenho muita coisa comparativamente e mesmo assim tenho muita tralha! coisas inúteis, mesmo.

e essa coisa de reduzir as compras ao essencial vira um mantra!

🙂

bisous
p

1 07 2009
Paula Nakamura

Esse negócio de estar com tudo suspenso, por conta da imigração, tem uma grande vantagem: acabamos fazendo uma boa economia, já que muitas compras (muitas mesmo) deixam de ser feitas.
Mas, Roberta, quando você for pra Ikea, lá em Montreal, acho que vai ser difícil limitar suas compras só ao essencial…;-)
Bjk!

2 07 2009
Alessander

Recentemente nos mudamos para um apartamento menor exatamente para diminuir as nossas despesas já tendo em mente o processo de imigração.
Quando fomos arrumar a mudança já fizemos uma primeira “limpeza” do que não precisamos e que certamente não será levado para o Canadá.
Eu também fiquei espantado com o tanto de coisa que temos sem utilização em casa, e agora estamos também limitando as nossas compras, como disse a Paula aí em cima. 🙂

4 07 2009
O que vai na mala? « Take Off To The Great White North

[…] pelo post da Roberta, fiz uma lista mental do que eu colocaria nas minhas 2 malas de 32kg pro […]

8 07 2009
sonia

Voce imagina uma pessoa de 65 anos, tres filhos e um neto,que ja morou numa casa enorme,com jardim e quintal,piscina, depois um ape tambem amplo e depois de 36 anos de casada resolve dar um giro de 360 graus na vida e passar 6 meses no exterior e se desfazer de tudo, a casa toda(aluguei o ape).Era tanta tralha que passei uns 2 anos ou mais vendendo, dando, etc. Hoje voltei temporariamente para o Brasil (vou embora de vez para o exterior) mas agora aluguei um ape pequeno e tudo e pequeno(estante, armario de cozinha,mesa de jantar(4 palmos quadrados,microondas geladeira) e estou feliz da vida pois nem fogao comprei, nem maquina de lavar louca, roupas, nada. Estou amando a vida sem muita tralha.So nao me desfaco dos albuns de fotografia(sao muitos realmente) pois sao lembrancas da familia toda. Mas no exterior tem a vantagem de alugar com moveis pelo menos a cozinha ,armarios nos quartos e sala. Voce tem razao mesmo!!! So o que for realmente importante,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: